O Campeonato Mineiro de Motocross acaba de anunciar uma novidade que vai beneficiar tanto o público quanto os pilotos. A montadora de veículos off road MXF Motors do Brasil será a nova patrocinadora master da competição, e sua primeira ação será ceder duas motos para serem sorteadas. Uma contemplará os atletas das categorias 50cc e 65cc e a outra os espectadores da 1ª etapa, que ocorrerá em Piranga, nos dias 28 e 29 de abril, com entrada franca e classificação livre.

As motocicletas estão entre os lançamentos da montadora, apresentando design moderno e novas configurações que garantem alto desempenho. Os pilotos interessados em concorrer a um exemplar de 50 cilindradas devem se inscrever em todas as etapas da temporada 2018. Ao final do campeonato será gerado um cupom para quem cumprir esta regra. Já o público poderá pleitear um modelo de 100 cilindradas realizando a doação de 1 kg de alimento não perecível na entrada do evento. Cada quilo entregue dará direito a um ticket para participar do sorteio que ocorrerá no encerramento do GP Piranga.

Essa ação vai ao encontro da iniciativa da competição de incentivo à formação de novos atletas para o esporte: nesta temporada, o evento concederá descontos para algumas categorias e isenção para outras. A 50cc B, 50cc Pró, MXF Nacional e MXF Pró ficarão isentas da taxa da inscrição de R$165,00. Já os pilotos da 65cc, 85cc B e 85cc Pró pagarão meia.

NOVO NOME

A parceria entre a empresa e o campeonato resultou em outra novidade importante. A competição agora passa a se chamar MXF – CAMPEONATO MINEIRO DE MOTOCROSS. “Estamos muito contentes. Desde que nasceu, a MXF esteve inserida no mundo esportivo off road, apoiando atletas e competições, principalmente no Enduro de Regularidade e FIM. Nos últimos anos avançamos para diversas outras modalidades com o patrocínio de pilotos como Jean Ramos do motocross. Contudo, com o campeonato mineiro, podemos dizer que mergulhamos fundo no mundo do motocross”, avalia Luiz Henrique, diretor técnico da MXF Motors. “Estamos inclusive preparando muitas novidades em produtos para esta modalidade para os próximos meses”, completa.

A parceria inédita foi estabelecida graças a proximidade de Luiz com o organizador do Campeonato Mineiro, Cássio Marques. “Conheço Cássio há bastante tempo e neste ano surgiu esta oportunidade que abraçamos com muito apreço. Ele realiza um trabalho fantástico na região mineira com a organização deste campeonato que reúne todos os anos centenas de apaixonados pelo esporte off road”.

SOBRE A MXF MOTORS

Fundada no ano de 2007, em Curitiba, a MXF Motors do Brasil oferece linhas de minimotos, quadriciclos, miniquadriciclos e motos off-road. A montadora é referência no mercado nacional e apresenta uma variedade de modelos que atendem todas as faixas etárias.

Os produtos são exclusivos e homologados de acordo com os padrões europeus (ECC) e americanos (EPA) de fabricação, que garantem peças e componentes de alto padrão de qualidade e rígidos processos de fabricação e controle à MXF Motors.

Os modelos montados e comercializados pela MXF Motors são produzidos especialmente para o mercado brasileiro, após uma seleção criteriosa dos melhores equipamentos. Se destacam pelo design diferenciado, excelente qualidade de acabamento, grande pacote de equipamentos de série e componentes de primeira linha.

Colaboração: Motoraid

A 2ª etapa do Campeonato Piauiense de Enduro de Regularidade acontecerá no próximo dia 05 de maio, com o Enduro do Bosque, prova que está dentro da programação do Piauí Rally Camp, evento que contará com disputas com muita técnica e também velocidade para carros 4x4 e UTVs. Tanto para as motos, quanto para os veículos 4x4 a largada será na região litorânea do Piauí, sendo que as motos partem do município de Bom Princípio do Piauí, município a 35 km de Parnaíba; já os carros e UTVs terão largada da loja Cacique Pneus, em Parnaíba. Todos desligarão os motores em Luís Correia, no Resort Carnaubinha, onde haverá premiação, com troféus para os cinco primeiros colocados de cada categoria e festa de confraternização.

O Enduro do Bosque Bosque está sendo dirigido pelo piloto Rômulo Santos e a direção técnica a cargo do piloto Fredy Oliveira. O levantamento e a conferência do percurso de 120 km já estão concluídos e terão 4h40 de prova. Rômulo afirmou que a etapa está bastante técnica, com passagens privilegiando as belas paisagens de Bom Princípio do Piauí, com 60% do percurso no entorno do município, que estará completando 26 anos de emancipação política, no próximo dia 29 de abril. “Teremos alguns trechos travados, terrenos pedregosos, muito laços e balaios, com destino a Luís Correia, onde o clima e as boas condições de vento tornarão a prova bastante agradável e prazerosa de pilotar”.  

A programação do Enduro do Bosque no sábado, dia 04, será a mesma para toda a programação do Piauí Rally Camp, com vistorias, entregas de kits, entre 17 e 19 horas, e o Briefing, a partir das 20 horas, no Parnaíba Shopping, na cidade de Parnaíba. No domingo, os pilotos de moto largarão do Posto Padre Cícero, com direito a café da manhã, oferecido

As inscrições para o Enduro do Bosque e demais modalidades do Piauí Rally Camp estão abertas no site www.piauirallycamp.com.br. Inscrições presenciais também nas lojas Cacique Pneus de Teresina e Parnaíba. 

Colaboração e foto: Marci Cristina

O que era bom ficou ainda melhor. A Brasil Moto Tour depois de anunciar a chegada das novas motos da temporada 2018, as KTM 450 EXC-F para o passeio, agora está com um novo trajeto pra lá de legal, passando por trechos que fizeram parte do Six Days em Fortaleza/CE.

A empresa especializada em passeios de moto off-road, lança um roteiro inédito para a sua 11ª temporada. Após uma década de sucesso do tradicional passeio nos Lençóis maranhenses, a BMT traz um roteiro cem por cento novo e que utilizará vários trechos da maior prova de enduro do mundo, o Six Days.

O novo tour será realizado na região de Beberibe, próximo a Fortaleza, local que recebeu o evento em 2001. O passeio irá mesclar as trilhas de areia da região com trechos de serra, o que garantirá muita emoção para os clientes, assegura Dimas Mattos, Diretor fundador da BMT.

“Nós estamos sempre buscando trazer novidades para nossos clientes. Já são mais de uma década com o tradicional tour dos Lençóis, por isso, sentimos a necessidade de trazer novidades, afinal, temos um índice de retorno muito grande”.

O novo roteiro estreia nesta temporada, serão apenas cinco grupos que iniciam no mês de novembro. Assim como no tour dos Lençóis, as motocicletas que serão utilizadas são as KTM 450 EXC-F 2018. O cronograma também será semelhante, ou seja, o pacote terá cinco dias (três de moto) com tudo incluso.

Quem quiser se aventurar no melhor passeio off-road do mundo ainda dá tempo, todas as informações de ambos os tours estão no site: www.brasilmototour.com.br

Por Leo "Corrosivo" com colaboração e foto: BMT

O Trial serve de base para a maioria das outras modalidades do motociclismo. 
Olhe só que legal este momento do piloto Leandro Basseto em ação em uma etapa do Brasileiro.
Foto: Leo Tavares/CF

Sob sol escaldante, o Circuito das Américas foi palco de uma brilhante participação dos pilotos da Equipe Movistar Yamaha MotoGP, com Maverick Viñales e Valentino Rossi conquistando respectivamente o segundo e o quarto lugares na classificação da corrida. Viñales largou em primeiro lugar mas logo na primeira curva foi ultrapassado,  caindo em terceiro. Foi preciso algumas voltas para ele encontrasse um bom ritmo antes ir a caça pela segunda colocação.

A quatorze voltas do fim, o espanhol superou Andrea Iannone, ficando com a pista livre a sua frente para perseguir o líder da prova. Mesmo mantendo um forte ritmo, com voltas sempre na casa dos 2'05s,  ele não conseguiu se aproximar do ponteiro e optou em administrar a diferença, garantindo um ótimo segundo lugar que o permitiu subir ao pódio pela primeira vez nesta temporada.

"Largando da primeira fila ficou muito mais fácil e consegui respirar com mais calma, conseguindo controlar bem os três ou quatro primeiros pilotos. No geral, estou feliz pois a equipe concentrou-se no fim-de-semana de forma diferente e isso foi muito bom. Acho que já sabemos como ir rápido com esta Yamaha e hoje nós provamos isso. Nossa moto parece ser mais forte do que foi aqui no ano passado, e por isso me senti bem durante a corrida”, declarou o Viñales após a corrida. Segundo ele, “embora fosse difícil desafiar Marc, e mesmo com as dificuldades que tivemos, ainda ficamos em segundo lugar. Eu não queria cometer o mesmo erro que cometi na corrida do ano passado, então desisti de tentar perseguir Marc e controlar a diferença para Andrea. Me sinto positivo, mas temos que continuar a melhorar. A cada dia eu estou me sentindo melhor na moto e vamos crescer e crescer. Minhas impressões sobre Yamaha M1 mudou muito. Eu me sinto confiante com ela e temos que continuar assim... Mal posso esperar pela corrida em Jerez – eu realmente gosto de andar lá. Agora também vamos ter quatro ou cinco corridas onde eu gosto muito das pistas e espero bons resultatos. Nós estamos indo para a vitória, eu sei que não estamos longe, e vamos nos esforçar para isso".

Valentino Rossi, que largou em quinto, acabou perdendo uma posição no ínício da corrida. Contudo, o “The Doctor” passou Johann Zarco – que conquistou um ótimo 6º lugar ao final da corrida – na curva 12 e logo a tomou de volta a posição.

 Imprimindo um forte ritmo, na volta seguinte ele também superou Cal Crutchlow, conquistando a 4ª colocação, a essa altura, atrás de seu companheiro Maverick Viñales.

Como Viñales passou Iannone no início da sexta volta, Rossi pressionou para fazer o mesmo. A conquista da posição de seu compatriota parecia uma questão de tempo, mas seus pneus começaram a perder aderência e Rossi perdeu contato Iannone. Durante o restante da corrida, ele seguiu fazendo voltas com tempos entre  2'05s e 2'06s em uma corrida solitária, recebendo a bandeira quadriculada em quarto lugar, a 9.587s do primeiro.

Ao fim da prova em Austin, Rossi declarou: “foi um bom final de semana porque eu já estava no top 5, mas na corrida eu esperava ser um pouco mais competitivo, para tentar lutar pelo pódio. Eu sabia que Marquez e Maverick eram um pouco mais fortes e esperava que eu fosse rápido o suficiente para uma disputa com Iannone, mas Andrea era mais rápida do que eu. Eu não consegui chegar nem tampouco atacar. Sofri um pouco nas condições quentes, porque a frente me trouxe um certo problema. Nós temos que trabalhar... Agora temos dez dias até a próxima rodada na Europa, onde a situação será diferente".

Com os resultados da corrida disputada em Austin, no estado americano do Texas,  Viñales subiu para o terceiro lugar na classificação do campeonato, com 41 pontos, enquanto Rossi manteve o sétimo lugar com um total de 29 pontos. A Yamaha está agora em 2º lugar no Campeonato de Construtores com 56 pontos, enquanto a Movistar Yamaha MotoGP subiu para a primeira posição no Campeonato de Equipes, com 70 pontos.

A Equipe Movistar Yamaha de MotoGP voltará  em duas semanas para disputar a quarta etapa da temporada, o Grande Prêmio de Espanha, a ser realizado em Jerez, Espanha.

Colaboração e foto: Yamaha do Brasil/Yamaha Racing

Patrik Capila e Luis Oliveira conquistaram resultados  excelentes no Campeonato Português. Agora, se preparam para duas etapas do Mundial, na Espanha e em Portugal. Neste domingo os pilotos Luis Oliveira e Patrik Capila, da Equipe Yamaha O2BH Racing, conquistaram excelentes resultados no Campeonato Português de Enduro. Luis Oliveira, que lidera o certame, conquistou mais uma vitória - a terceira na temporada - enquanto Patrik Capila obteve um excelente 2º lugar na Categoria E1 - Elite 1, e um 9º lugar na Classificação Geral, em sua primeira competição fora do país.

A prova começou com o português Diogo Ventura assumindo a liderança nas primeiras especiais. Mas durante a competição, o piloto da Yamaha O2BH cresceu e passou a dominar a prova, conseguindo abrir ainda uma vantagem de quase 15 segundos na somatória final dos tempos.

“Foi uma prova muito boa, consegui andar com bastante confiança e bem seguro. A briga pela liderança estava bem legal, com diferença de poucos segundos, mas a partir do meio da prova comecei a atacar mais e consegui abrir uma diferença que me permitiu controlar a prova”, relatou Luis Oliveira, que com o resultado conseguiu ampliar ainda mais a vantagem na classificação.

Fazendo a primeira das três corridas programadas na Europa, o jovem Patrik Capila usou a prova para se familiarizar, já que nos finais de semana seguintes tem duas etapas do Campeonato Mundial de Enduro, na Espanha e em Portugal.

“Por aqui é tudo diferente, o clima, o terreno, então fiz a opção de ir com cautela, até porque tenho mais duas provas nos dois finais de semana seguintes. Mas gostei muito, foi uma experiência fantástica e foi bom pra quebrar o clima, agora me sinto mais confiante e mais preparado para encarar as duas etapas do Campeonato Mundial na Espanha e em Portugal, já sei mais ou menos o que vou encontrar pela frente”, comentou Capila.

Líder do Campeonato Brasileiro de Enduro na Categoria Junior, vencendo as quatro etapas disputadas até agora na temporada, Patrik sentiu a diferença das provas brasileiras em relação às provas europeias.

“A principal dificuldade e a maior diferença em relação ao Brasil foi em relação aos deslocamentos, com muita trilha, uma prova bem puxada. O circuito era de 50 quilômetros de muitas trilhas e pedras. Mas foi bom, uma prova muito boa, aprendi bastante, apesar de alguma dificuldade com a moto e com o terreno. Não estava muito à vontade nas duas primeiras voltas, depois fui me familiarizando, fui ficando mais à vontade e consegui imprimir um ritmo melhor”, continuou Capila.

Apesar da excelente colocação, com um Top 10 na Geral, o capixaba sente que poderia ter ido melhor, mas preferiu se poupar e usar a prova como aprendizado.

“Sei que poderia ter ido melhor, acho que poderia até brigar por um top 5 na Geral, mas preferi ir com mais cautela, principalmente depois que tomei uma queda no Enduro Teste, que me custou um tempo importante, então resolvi ir com mais prudência. Mas estou muito satisfeito com o resultado, foi um grande aprendizado”, finalizou o piloto da equipe Yamaha O2BH Racing.

Na próxima quarta-feira os pilotos seguem para Santiago de Compostela, na Espanha, onde na sexta, sábado e domingo encaram a etapa do Campeonato Mundial de Enduro. Depois retornam a Portugal, onde nos dias 3, 4 e 5 de maio disputam mais uma etapa do Mundial, na cidade de Castelo Branco.

Colaboração e foto: O2BH Yamaha/Arquivo Pessoal

Patrik Capila e Luis Oliveira encaram Campeonato Português, Mundial na espanha e Mundial em Portugal. Nem bem terminou a premiação da etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro, no último final de semana em Patrocínio/MG, o jovem Patrik Capila e seu companheiro de equipe Luis Oliveira, da Yamaha O2BH Racing pegaram a estrada com destino a Belo Horizonte, onde já na segunda-feira embarcaram para Portugal. Líderes do Campeonato Brasileiro - Luis na E2 e Patrik na EJ – os pilotos estão bastante animados com o desafio.
 
Mal chegaram ao velho continente, na terça-feira, fizeram os ajustes necessários nas motocicletas e seguiram para os treinos. “A moto que vou utilizar é muito boa, muito forte, me adaptei muito bem e estou bem animado. Fizemos alguns ajustes e fui testar a moto, conseguindo andar bem forte, em um bom ritmo. Estou bem animado”, relatou Capila.
 
O primeiro desafio dos pilotos é a etapa do Campeonato Português, que acontece na vila de Lousã, conhecida como a reserva Nacional de Enduro. Será a quarta etapa do campeonato, que também tem como líder o piloto Luis Oliveira. Das quatro etapas do Campeonato Português, Luis Oliveira venceu duas, conseguindo uma vantagem de 16 pontos sobre Diogo Ventura.
 
Capila e Oliveira vão encarar um intenso dia de competição, com 40 quilômetros por volta, sendo que deverão dar quatro voltas pelo percurso, totalizando 160 quilômetros de prova. O paddock será montado no aeroporto de Lousã, onde estarão também duas especiais da prova, o Cross Test e o Extreme Test. O enduro Test acontece na região de Serpins.
 
“Quero usar esta prova do Campeonato Português para me adaptar, ver como as coisas funcionam por aqui. Quero andar forte em um bom ritmo, para avaliar como estou em relação aos gringos. Estou conseguindo andar forte no Brasileiro, ocupo a quarta colocação Geral e lidero na Junior. O objetivo principal são mesmo as etapas do Mundial”, continuou Capila.
 
Depois da etapa do Português, os pilotos seguem para Santiago de Compostela, na Espanha, onde disputam a etapa do Campeonato Mundial, em um desafio que juntará os melhores pilotos do mundo. Finalizando a prova da Espanha os pilotos da equipe Yamaha O2BH Racing retornam a Portugal, onde encaram mais outra etapa do Mundial de enduro, na cidade de Castelo Branco.
 
“Essas etapas do Mundial na Espanha e em Portugal serão muito importantes, quero aproveitar cada momento, sei que será um aprendizado enorme. Vou me dedicar ao máximo, o resultado não é o mais importante, mas nem por isso vou deixar de acelerar tudo que sei. Mas o maior objetivo é mesmo o aprendizado, quero voltar em um ritmo ainda mais forte para a disputa do brasileiro”, finalizou Patrik.
 
O  retorno será no dia 9 de maio e o próximo desafio no Brasil será a etapa do Campeonato Brasileiro de Enduro na cidade de Biguaçu/SC, nos dias 19 e 20 de maio.
 
A Equipe Yamaha O2BH Racing tem patrocínio da Yamaha do Brasil, Kenda Pneus, ASW, Yamalube, BR Parts, Dragon, Gaerne, Circuit, Belparts, W-Tech, Stick´s, Durag, Solo, Exceed, MrPro, Academia do PIC e Alex Design. Pertence ao Grupo Orange, proprietário da concessionária O2BH Yamaha em Belo Horizonte, que tem completo showroom e mais de quatro mil produtos em estoque, com 1.650m2 de estrutura. Mais informações em www.o2bh.com.br.

Colaboração e foto: Yamaha O2BH Racing/Janjão Santiago

 

Rodar de moto pelas trilhas de Macacos em Minas Gerais é um privilegio.
Olhe só este incrível visual da Trilha da Perdidas.
Foto: Leo Tavares/CF

Com levantamento e percurso total já definidos, a organização do Piauí Rally Camp, evento que chega ao seu terceiro ano consecutivo com uma super competição off-road, o que era voltado para carros 4x4 e UTVs, agora ficou melhor, pois nesse ano a organização inseriu duas novas modalidades: Motos – com a etapa Bosque, válida pelo Campeonato Piauiense de Enduro de Regularidade e a modalidade Velocidade - para carros e UTVs. As inscrições estão abertas nas lojas Cacique Pneus de Teresina, capital do Piauí, e em Parnaíba, no litoral do Estado, e ainda pelo site www.piauirallycamp.com.br. O Piauí Rally Camp acontecerá nos dias 4 e 5 de maio, entre Parnaíba, Bom Principio e Luis Correia, no litoral piauiense. Para as motos, será válida pela 2ª etapa do Piauiense, com supervisão da Federação de Motociclismo do Piauí – FMP.

O roteiro está incrível, recheado de passagens e trilhas poucas desbravadas em uma prova off-road de regularidade . Balaios, laços e pegadinhas, que testam a capacidade de orientação e navegação das duplas de pilotos e navegadores, darão o tom para os que levam esse esporte radical a sério. Aliado a isso, o diretor geral e criador do rally, Landerson Carvalho, comenta que as adversidades, as belezas das paisagens são um convite a mais, pois o roteiro é “Para ninguém botar defeito, pois exploraremos uma diversidade de terreno, as médias justas irão fazer os pilotos estarem bem alinhado com seus navegadores, pra quem vai participar da prova de velocidade será algo inédito, isso para carros e utvs. Para a prova de motos, o diretor Rômulo Santos afirmou que será uma etapa para entrar na historia do off road piauiense ”.

A organização também informa a prova está com bom nível técnico, o que exigirá perícia. A prova larga em Parnaíba para carros e utvs, em Bom Principio para Motos, na sexta-feira, dia 04 de maio a organização está preparando um local para a concentração, entrega de kits vistoria e o briefing técnico . No sábado, 05, a concentração começa bem cedo, a partir das 7 horas, com café da manhã a ser servido para as equipes na loja Cacique Pneus, em Parnaíba, de onde todos partem os 160 km de muita trilha encontrando muita trilha de encher os olhos, chegando no Carnaubinha Resort, onde haverá a festa de premiação e os veículos ficarão em parque fechado e os competidores. A direção geral é da Prime Eventos, cujo diretor é Landerson Carvalho. Para as motos, haverá café da manhã no dia 05 de maio, a partir das 7 horas da manhã, ao lado do Posto Padre Cícero, em Bom Princípio do Piauí, município a 35 km de Parnaíba. A chegada também será no Carnaubinha Praia Resort.

Colaboração e foto: Aldeia Comunicação

A cidade de Betim/MG recebeu neste fim de semana a abertura da Copa Brasil de BMX 2018. O evento contou com a participação de mais de 180 atletas de todo o país em diversas modalidades. De crianças há pilotos mais experientes acima dos 40 anos. O que demonstra que não tem idade para a prática do esporte e um das portas de entrada no mundo do motociclismo off road.

Como Gate cheio, o público compareceu em peso e para poder acompanhar de perto os saltos do percurso da pista. O evento ainda contou com praça de alimentação, barracas com produtos à venda, o Projeto Primeiros Pedais com suas Bike Balance foram algumas das atrações extras durante os dois dias do evento.

A primeira etapa da Copa Brasil de BMX é uma organização e realização da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), Federação Mineira de Ciclismo (FMC), com apoio da Prefeitura de Betim, Secretaria Municipal de Esportes, Penks, ASPAM, Primeiros Pedais, IGB-BAN, Collete Loca Tudo, Rodrigo Veículos e Peyrani Brasil.

Por Leo “Corrosivo” direto da Pista Internacional de BMX Aquileu Franco do Amaral.